%AM, %19 %489 %2018 %07:%Jan

Manuela, com 50 cm e 3485g, filha da Kátia Juliana e Geovanni e irmã do Miguel

Nasceu no dia 17/01/18, com 39 semanas e 3 dias, as 13:20h, a Manuela, com 50 cm e 3485g, filha da Kátia Juliana e Geovanni e irmã do Miguel de 3 anos e 8 meses, de parto natural, rápido e abençoado por Deus, do jeitinho que eles queriam...
Meu relato do parto dela segundo Carolina que a acompanhou.
Bem, a Katia Juliana Bonfim Costa de Sousa, já tinha sido nossa gestante na gravidez anterior do Miguel e dessa vez demorou um pouco mais para chegar, mas felizmente, mesmo que mais no final, veio compartilhar conosco a alegria de mais essa gestação que foi planejada e muito desejada.
A gravidez correu muito bem, mas como sempre no final chega aquela ansiedade e um certo desejo de ver logo a carinha do bebê. ..
Porém, o casal, sempre muito consciente e bem informado sabiam da importância de esperar o dia que ela escolheria para nascer, sabiam da importância disso para sua saúde e permaneceram tranquilos apesar de uma ou outra pressão que sempre aparece, ela dizia que havia até clientes que não a queriam atender mais, quando viam aquele barrigão tinham medo, sei lá o que passa pelo juízo das pessoas, acho que é muita novela...
Mesmo assim, ela se manteve ativa todo o tempo, agora no final já vinha nas aulas escoltada pelo marido e filho, melhor parar de dirigir, né.
As contrações de treinamento começaram e todos chegamos a pensar que o parto aconteceria antes da data prevista, mas, nada mais efetivo...
Chegamos a fazer umas sessões de acupuntura para estimular o trabalho de parto, a barriga baixou bem, e eles sempre bem tranquilos e confiantes. 
No dia anterior ao parto, foi a uma consulta com sua obstetra que resolveu durante o toque descolar a bolsa para ver se deflagravam as contrações e “batata”...durante essa mesma madruga as contrações começaram, e por volta das 8:30h da manhã ela percebeu que começavam a ter um ritmo mais frequente, porém ainda com intervalos irregulares. Ela conversou com a Carolina - fisioterapeuta/doula que a acompanharia e como ela referiu que as contrações estavam bem suportáveis a orientação foi: “Continue fazendo suas coisas e quando perceber que o intervalo ficar menor ou igual a 5 minutos entre elas, ai estará na hora de uma avaliação.” E assim ela fez, foi no supermercado, fez o almoço e quando foi por volta das 11h as contrações começaram a ficar mais regulares, mas ela continuava tranquila, permaneceu em casa, cuidando de seus afazeres. 
Por volta da 12:40h, como as contrações passaram a ficar mais fortes e frequentes, falou com sua obstetra Dr Angela Beatriz Dal Molin Augusco, que orientou que fosse avaliar no hospital Cristo Rei com o plantonista. Então o Geovanni ligou para Carol avisando que eles estavam indo para o hospital avaliar. Ela que já estava arrumando as coisas no carro, já resolveu ir também. A Dr Angela também resolveu ir logo avaliar, ao invés de deixar para o plantonista, e quando a Carol chegou na maternidade por volta das 13h, a médica tinha acabado de avaliar: 8cm!
Ela estava no chuveiro. A Carol pensou em encher a banheira, mas a obstetra ponderou que não daria tempo. Ela continuou no chuveiro mais alguns minutos, a Carol ficou com ela, apoiando-a. Lá ficou de cócoras embaixo da água, começaram os puxos, (vontade de empurrar, fazer força) e logo a bolsa rompeu, nessa hora já se podia ver a cabecinha da Manuela pressionando o períneo da mãe. A Carol sugeriu que ela fosse então para a banqueta. Ela se sentou na banqueta de parto o Geovanni atrás a amparando, foram 2 ou 3 forças e a Manuela nasceu ás 13:20h.
Foi tudo muito rápido, lindo e emocionante!!
Manuela nasceu muito bem, ativa, esperta.
A placenta saiu logo na sequência de forma espontânea. Logo ela foi levada para a cama, onde continuou com a Manuela em contato pele-a-pele por 1 hora, mais um pouco e ela pegou o peito da mamãe e sugou com força. 
O pai orgulhoso cortou o cordão depois que ele parou completamente de pulsar! 
A médica fez ainda uma última avalição para ver se estava tudo bem, com o períneo, já que a “danadinha” escorregou muito rápido e estava com a maõzinha no rosto, foi preciso alguns poucos pontos apenas na mucosa e tudo se resolveu. 
Após 1 hora que estava no colo da mãe, o papai então pegou a filhotinha e também saboreou o prazer de curti-la antes de ser pesada e vestida.
Na sequência a Carol já a ajudou a se arrumar colocar a cinta. E já foi para o seu apartamento, onde fez questão de gravar um pequeno vídeo relatando a excelente experiência que teve para dar uma força para as colegas gestantes de seu grupo.
Esse parto foi bem mais fácil e rápido do que do Miguel, aliás, como costumeiramente acontece do segundo parto pra frente...
Enfim, todos ficaram muito felizes, inclusive nós do Núcleo Gesta feliz, que direta ou indiretamente tivemos a honra de poder fazer parte de mais essa linda história de nascimento dessa família. Louvado seja Deus mais uma vez!!
Que Jesus os abençoe, proteja e os mantenha sempre unidos e felizes! 
Somos muito gratas pela confiança em nós e nosso trabalho!!

planoparto 570x100

 

FISIOPALMAS

Pioneira no Tocantins, a FISIOPALMAS, iniciou suas atividades na nova capital no início de1993. Leia mais...

Núcleo Gestar Feliz

O Nucleo Gestar Feliz é composto de uma equipe interdisciplinar que tem como objetivo incentivar e apoiar a gravidez e parto consciente. Leia mais...

 

TELEFONES

(63) 9 8141-1001 (Tim)whatsapp

(63) 9 8447-5155 (Oi)

(63) 3028-1556 (Fixo)

(63) 3028-1558 (Fixo)

 fisiopalmas.to@gmail.com

© 1993 - 2017 FISIOPALMAS. Todos os DIREITOS são reservados.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27