%PM, %30 %988 %2011 %19:%Abr

Dicas de Amamentação

Por que amamentar? Saiba as Vantagens da amamentação

Para a mãe:

    - Aumenta a auto-estima, pois a mãe sente que é do seu corpo que sai o alimento que vai nutrir seu filho.

    - Transmite amor e carinho, fortalecendo a relação entre mãe e filho.

    - Ajuda a reduzir o sangramento pós-parto.

    - Reduz o risco de câncer de mama e ovário.

    - Ajuda a reduzir o peso adquirido na gravidez.

    - O leite materno está pronto, em qualquer hora e lugar, na temperatura ideal.

    - Não precisa coar, ferver e nem esfriar.


Nucleo Gestar FelizPara o bebê:

    - O leite materno é o alimento completo, contendo todos os nutrientes para que o bebê cresça e se desenvolva com saúde: Proteínas, vitaminas, fósforo, ferro, cálcio, etc.

    - Protege contra doenças: diarréia, infecções, alergias, etc. A mãe transmite ao bebê anticorpos de defesa do organismo que ele ainda não possui.

    - O bebê que mama no peito fica mais seguro e tranqüilo.

    - A amamentação é importante para o desenvolvimento da face, contribuindo para uma boa dentição, respiração e fala.

Para a família:

- O leite materno é de graça, evita gasto com outros tipos de leite. Melhora a qualidade de vida das crianças e de toda a família.

Em que momento iniciar a amamentação?

 

Ainda na sala de parto. Peça à equipe de saúde que coloque o bebê bem pertinho de você logo após o nascimento e ajude-a a amamentá-lo.

 

Como me preparar durante a gravidez?

- Se conscientize de que toda mulher tem capacidade para amamentar seu filho.

    - Saiba que a forma do bico do peito ou o tamanho das mamas não interfere no sucesso da amamentação.

    - Não use cremes, pomadas ou qualquer outro produto no bico do peito sem orientação médica. Eles podem deixar sua pele mais fina, favorecendo o início de rachaduras.

    - Faça uso de sutiã durante a gestação e amamentação. O sutiã pode ser simples, mas é importante que ele cubra e sustente toda a mama.

     

Como amamentar:

    - Lave sempre as mãos com água e sabão antes de amamentar.
    - Escolha uma posição confortável para você e para o bebê. Cante baixinho ou converse suavemente com ele.
    - Amacie a região dos bicos, retirando com a mão um pouco de leite, para facilitar a pega do bebê e não ferir o seu peito.

    - O bebê deve abocanhar a aréola ou parte da aréola e não só o bico do peito.

    - Observe a posição do bebê no seu peito. O corpo dele deverá ficar grudado no seu.

  • - O bebê não tem horário para mamar, tem seu próprio ritmo, que deverá ser respeitado. Não dê outros alimentos ao seu bebê, como chás e água.

    - Ele deverá mamar até que fique satisfeito.

    - Quando o bebê mamar todo o leite de um peito e largar, coloque-o para arrotar e passe para o outro peito.

    - Para retirar o bebê do peito e evitar ferir os bicos, coloque o dedinho sobre a região dos bicos, fazendo movimento de compressão.

Como saber se o leite está sendo suficiente para o bebê?
    Você poderá ficar tranquila se o bebê fica satisfeito depois das mamadas, urina várias vezes ao dia, ganha peso e cresce.

 

 

Quais cuidados tomar com as mamas?

    - Para a maioria das mulheres, a limpeza durante o banho é suficiente.

    - Banhos de sol ajudam a fortalecer a pele da aréola, assim como cremes à base de lanolina (Lansinor, Lanidrat)

 

 

Como evitar fissuras e mastite?

    - Amamente sempre que o bebê desejar.

    - Use sempre sutiã com alças largas no tamanho adequado para sustentar o peito.

    - Faça massagens para retirar o excesso de leite, comum nos primeiros quinze dias pós-parto.

    - Esvazie o peito sempre que estiver com pontos doloridos ou endurecidos.

    - Não use compressa quente, ela pode queimar a pele do peito e piorar os casos de mama empedrada.

    - No caso de mama empedrada, use compressa fria ao redor da mama por três minutos.

    - Tome banho de sol na região da aréola e do mamilo, caso eles estejam feridos. Para isso, coloque uma fralda molhada (água fria) em volta do peito, deixando apenas a aréola e o bico do seio expostos ao sol. Faça isso sempre antes das 10:00 horas da manhã e depois das 16:00 horas. O tempo de 15 minutos é suficiente.

    - O excesso de leite  você pode doar para o Banco de Leite Humano.

    Não limpe os bicos dos peitos com sabão, álcool ou outros produtos.

Como fazer a massagem e retirada do leite

    - Com a ponta dos dedos, faça movimentos circulares compressivos começando do bico para fora. Faça 10 movimentos em cada ponto do peito.

    - Inicie a retirada do leite com as mãos, colocando o dedo polegar sobre a pele ao redor dos bicos, e os outros dedos por baixo dos bicos. Faça movimentos de compressão na áréola.

Recomendações finais

     

- Todas as mães têm leite !!!

    - O leite materno nunca é fraco

    - Você deve tomar bastante líquido sempre que desejar e de acordo com sua necessidade:água, chás e sucos, isso favorece amamentação.

    - Mantenha uma alimentação saudável e variada. Procure se alimentar adequadamente, evitando ficar muitas horas em jejum.

    - É importante repousar em pouco durante o dia, aproveitando o horário em que o bebê está dormindo.

    - A calma é importante na amamentação. Converse e acaricie o bebê enquanto ele estiver mamando.

    - O bebê não deve tomar chá ou água, ele precisa somente do leite materno até os seis meses.

    - O leite dos primeiros dias é o colostro. Ele é amarelado, e em quantidade suficiente para o bebê.

    - A produção do leite vai aumentar à partir do 3º ou 5º dia pós-parto .Sua coloração poderá variar, mas ele nunca é fraco.

    - Se você sentir algum problema no peito, dor , vermelhidão que não desaparece, ou sentir que o leite começou a diminuir, procure um Centro de Saúde ou Banco de Leite Humano.

    - Não suspenda o aleitamento materno até receber orientações.

    - Não deixe seu bebê mamar em outra mãe, mesmo que você a conheça. Esse tipo de prática pode levar seu filho à contrair doenças contagiosas, como AIDS, Hepatite e outras.

    - Nunca use chupetas, chuquinhas ou mamadeiras. Elas confundem a sucção do bebê, fazendo com que ele largue o peito.

    - Só faça uso de medicamentos com prescrição médica.

    - Saiba que quanto mais seu bebê mama, mais leite você produz.

    - Evite bebidas alcóolicas, fumo e drogas. O uso dessas substâncias, prejudica a sua saúde e a do seu filho.

 

Comunique seu médico se, durante a amamentação:

    - Ficar grávida.

- Tiver febre que não passa com um antitérmico e que dura mais de um dia.

- Tiver dificuldade na saída do leite.

- Apresentar mama empedrada acompanhada de febre, dor e vermelhidão no local.

    - Tiver alguma infecção e começar a tomar antibiótico ou outro remédio qualquer.

IMPORTANTE: Não suspenda o aleitamento!!



Orientações para a mãe trabalhadora

    - É assegurado à gestante atendimento no pré-natal e pós-parto, através do Sistema Único de Saúde(SUS) – Artigo 80 da lei 8069/90.

    - Toda mulher trabalhadora tem direito à 120 dias de licença sem prejuízo de seu salário ou emprego.

    - A licença maternidade poderá ser iniciada 28 dias antes da data provável do parto, ou concedida integralmente pós-parto.( Artigo 70 da Constituição Federal).

    - Está garantido por lei, o direito à amamentação às mães trabalhadoras. Até os primeiros seis meses de vida do bebê, a mãe terá 2 descansos de 30 minutos durante a jornada diária de trabalho (Artigo 396 da CLT).  Este período pode ser ampliado conforme parecer do profissional de saúde.

     

Nucleo Gestar FelizComo doar  leite materno?

Muitas vidas dependem deste gesto. Nem todas as mães conseguem amamentar e  muitos bebês em condições clínicas graves  dependem do leite humano para sobreviver.

Quem pode doar:

    - Toda mulher saudável, que esteja amamentando o próprio filho, com excesso de leite no peito, que não esteja em uso de medicamentos que impeçam a doação e possua os exames de pré-natal recentes: VDRL, HIV, HbsAG, Hemoglobina e hematócrito.

Instruções para a doação

- Reserve um lugar limpo e tranquilo para retirar o leite.

    - Use uma touca para segurar o cabelo e coloque uma máscara sobre o nariz.

    - Lave mãos e braços até o cotovelo com água e sabão. Lave as mamas utilizando apenas água corrente.  Seque as mãos e as mamas com toalha limpa.

    - Retire o leite depois da mamada ou quando as mamas estiverem muito cheias.

    - Evite conversas durante a retirada do leite.

    - Para armazenar o leite, utilize um frasco de vidro com tampa de plástico ( como os de café solúvel ou maionese). Ferva os vidros e tampas ( sem o papel branco) em uma panela cobrindo todo o vidro com água, por 15 minutos ( tempo contado a partir do início da fervura). Deixe-os escorrer em pano limpo até secar. Feche os vidros sem tocar na parte interna das tampas.

     

Técnica para a retirada do leite:

    - Massageie as mamas utilizando a base dos dedos, fazendo movimentos circulares no sentido da aréola (parte escura) para o corpo.

    - Coloque o polegar acima da linha aonde acaba a parte escura do peito e os dois primeiros dedos abaixo. Firmar os dedos e empurrar para trás em direção ao corpo. Tentar aproximar a ponta do polegar com os outros dedos até sair o leite.

    - Despreze os primeiros jatos. Em seguida, abrir o vidro e coloque a tampa sobre a mesa forrada com um pano limpo, com abertura para cima.

    - Colha o leite no frasco, colocando-o debaixo da aréola. Após terminar a ordenha fechar bem o vidro.

    - Para completar o volume de leite do frasco que já está no congelador, utilizar um copo de vidro previamente esterilizado (fervido por 15 minutos) e seco.

    - Coloque o leite recém-coletado sobre aquele que já está armazenado no feezer ou congelador.Guarde imediatamente.

    - Esse procedimento deve ser repetido até faltar aproximadamente 2 dedos para encher o frasco.

    - Anote na tampa a data em que iniciou a coleta e a data de nascimento do bebê, guarde no congelador ou freezer por até quinze dias.

    - Antes de completar quinze dias da coleta, entre em contato com o Banco de Leite para que busquem na sua casa.

    - Todo leite coletado e doado é analisado, pasteurizado e submetido ao controle de qualidade para ser distribuído à crianças necessitadas.

    - Mantenha seu cartão de Pré-Natal em mãos para mostrar à funcionária do Banco de Leite na primeira visita.


Conservação e validade

    Na geladeira:
    - leite cru – 12 horas
    - leite pasteurizado degelado – 24 horas
    No freezer:
    - leite cru – até 15 dias
    - leite pasteurizado – 6 meses

     

Dicas importantes na ausência da mãe

 

Muitas vezes a mãe precisa se ausentar de casa. Ao retirar o leite do peito, ela mantém a produção e faz com que o filho se alimente corretamente.

Aprenda a retirar, conservar e armazenar o leite materno!

 

Banco de Leite de Palmas - Hospital Dona Regina

planoparto 570x100

 

FISIOPALMAS

Pioneira no Tocantins, a FISIOPALMAS, iniciou suas atividades na nova capital no início de1993. Leia mais...

Núcleo Gestar Feliz

O Nucleo Gestar Feliz é composto de uma equipe interdisciplinar que tem como objetivo incentivar e apoiar a gravidez e parto consciente. Leia mais...

 

TELEFONES

(63) 9 8141-1001 (Tim)whatsapp

(63) 9 8447-5155 (Oi)

(63) 3028-1556 (Fixo)

(63) 3028-1558 (Fixo)

 fisiopalmas.to@gmail.com

© 1993 - 2017 FISIOPALMAS. Todos os DIREITOS são reservados.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27